top of page

THE MOUSE - o avião de Walt Disney

Uma das aeronaves mais mágicas do mundo está prestes a voltar à cena.
O avião Grumman Gulfstream I que pertenceu a Walt Disney está sendo restaurado para ser exposto novamente após anos afastado do público na D23 EXPO que acontecerá nesse ano de 2022 de 9 a 11 de setembro em Anaheim - Califórnia.

The Mouse, o avião de Walt Disney.
The Mouse, o avião de Walt Disney.

A conferência que celebra os 100 anos da Disney terá uma exposição que destacará a história do avião – também conhecido como “The Mouse” ou Mickey Mouse One– e mostrará seu significado na história da The Walt Disney Company.

O avião, que foi fabricado em 1963 e utilizado por Walt Disney com frequência para viajar da Califórnia à Flórida, onde viria a ser construído o novo parque temático da empresa, ficou de 1992 até 2014 no Disney’s Hollywood Studios, onde residia como parte do Studio Backlot Tour.

Avião de Walt Disney, em suas viagens para Califórnia à Flórida.
Avião de Walt Disney, em suas viagens para Califórnia à Flórida.

O interior do avião foi personalizado a pedido do próprio Disney.

A pintura exterior não é tão chamativa, mas, após algumas versões, o desenho do Mickey foi inserido na cauda.

Disney era fã da aviação, e o modelo contava com alguns detalhes especiais para atender sua paixão.

Avião Mickey Mouse One, "The Mouse".
Avião Mickey Mouse One, "The Mouse".

O avião tinha uma configuração para levar menos passageiros (dez ao todo), o que permitia maior conforto a bordo.

Ele atingia uma velocidade de até 560 km/h e voava até 4.000 km de distância sem precisar parar para reabastecer.

Seu comprimento era de 19,4 metros, sua envergadura (distância de ponta a ponta das asas) é de 23,9 metros e sua altura é de 6,9 metros.

Em seu assento, o executivo tinha um painel com um altímetro e um velocímetro (indicador de velocidade do ar) onde podia acompanhar o que se passava na aeronave.

Nesse mesmo painel, ao centro, havia um relógio personalizado do Mickey, onde os ponteiros foram substituídos pelos braços do personagem.

Avião de Walt Disney com personalização do Mickey.
Avião de Walt Disney com personalização do Mickey.

Ainda havia um telefone direto para falar com os pilotos quando ele quisesse.

Disney teria se inspirado para uma das principais atrações de seus parques justamente ao voar a bordo do Mickey Mouse One.

Ao sobrevoar o forte El Morro, em Porto Rico, o empresário teve a ideia de como seria o visual ideal para criar o Piratas do Caribe, atração que pode ser encontrada em vários de seus parques.

O recente trabalho de repintura e acabamento exterior, juntamente com a mudança de cross-country da aeronave, foi possível graças à colaboração e apoio da Walt Disney Imagineering.

Em 1963, Walt adquiriu o icônico Gulfstream que viria a ser conhecido como “The Mouse” (O Rato).

O interior do avião, inicialmente projetado com a colaboração criativa de Walt e sua esposa, Lillian, acomodava até 15 passageiros e incluía uma cozinha, dois banheiros, dois sofás, uma mesa e acenos para o rato que começou tudo, incluindo caixas de fósforos e artigos de papelaria adornados com uma silhueta de Mickey Mouse.

As iniciais de Mickey acabaram sendo incluídas no número da cauda do avião também, como N234MM, em 1967.

Ao longo de seus 28 anos de serviço para a The Walt Disney Company, o avião voou 20.000 horas e transportou cerca de 83.000 passageiros antes de ser aterrado.

 A D23 Expo dará início à Disney100, uma celebração dos 100 anos de história da The Walt Disney Company, e nesta nova exposição, os visitantes serão convidados a “subir aos céus” e aprender sobre o papel que este icônico avião desempenhou ao longo da história da empresa:
• Em 1963, Walt, membros de sua família e executivos da empresa decolaram em uma aeronave de demonstração da Gulfstream para explorar locais potenciais, incluindo a Flórida Central, para um desenvolvimento proposto frequentemente chamado de “Projeto X”. Depois que Walt recebeu seu próprio Gulfstream no início de 1964, ele fez várias viagens à Flórida que finalmente lançaram as bases para dar vida à magia do Walt Disney World.
• O avião de Walt voou um total de 277.282 milhas entre Burbank e Nova York para supervisionar os preparativos antes e durante a Feira Mundial de Nova York de 1964-1965, um evento que trouxe atrações icônicas como "é um mundo pequeno" para uma costa leste audiência e, mais tarde, para a Disneylândia.
• O avião também levou a Disneylândia a novos patamares, pois Walt encontrou inspiração para o visual da atração Piratas do Caribe enquanto sobrevoava a fortaleza de El Moro em San Juan, Porto Rico, enquanto fazia pesquisas para o agora favorito dos fãs.
• “The Mouse” tem um passado repleto de estrelas, tendo sido usado para turnês promocionais para a Disneyland, bem como para filmes clássicos como The Jungle Book (1967), além de fazer aparições em filmes do The Walt Disney Studios The Computer Wore Tennis Shoes (1969) e Now You See Him, Now You Don't (1972), ambos estrelados pela lenda da Disney Kurt Russell. A aeronave também transportou convidados notáveis, incluindo as lendas da Disney Julie Andrews e Annette Funicello, bem como os ex-presidentes dos EUA Jimmy Carter e Ronald Reagan.
• Pintado de azul e branco em 1985, o avião de Walt embarcou em passeios de boa vontade e visitas de personagens a hospitais infantis, aumentando a história da empresa de retribuir à comunidade.
 
Os fãs da Disney que participam da D23 Expo são convidados a fazer compras, navegar e jogar no espaço imersivo da Amazon no showroom, com vislumbres pessoais de produtos personalizados relacionados ao Mickey Mouse One: Walt’s Plane.



Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page